Preço médio dos produtos da cesta básica baixou 35,7 %

15

A Reserva Estratégica Alimentar (REA) estima que o preço médio dos principais produtos da cesta básica, na semana de 16 a 22 de Maio deste ano, registaram uma baixa generalizada de 35,7 por cento, comparativamente ao mês de Novembro de 2021.

De concreto, a referida percentagem indica que o preço médio geral dos produtos da cesta básica reduziram de 16 801 para 10 809 kwanzas, no período em análise, segundo a REA.

A variação geral do valor desses bens é resultado da baixa do preço de cada produto da cesta básica, como o saco de 25 kg do arroz thai, que reduziu de 11 737 para 6 500 kwanzas, enquanto o arroz de marca myanmar (25 kg) saiu de Kz 10 mil para 6 500.

Nesse período, estima-se que o saco de fuba de milho (25 kg) desça de 13 800 para 7 050 kwanzas, enquanto a farinha de trigo (25 kg) baixa de 23 033 para Kz 7 875.

A caixa de frango (10 kg) saiu de 10 190 para 7 100 kwanzas, sendo o saco de açúcar (50 kg) de 24 200 para Kz 19 533.

A caixa de óleo de soja de 12 litros baixa de 17 450 para 11 050 kwanzas, enquanto o saco de feijão pinto (25 kg) saiu de 24 000 para 20 863 kwanzas.

Em suma, os respectivos preços são válidos em todo o território nacional, refletindo uma baixa generalizada de 35,7%, relativamente a Novembro de 2021, antes da entrada em ação da Reserva Estratégica Alimentar, que começou a vigorar em Dezembro último.

A REA é uma iniciativa do Executivo angolano, que numa primeira fase prevê adquirir, armazenar e distribuir aos comerciantes grossistas até 354 mil toneladas de bens alimentares, aumentando progressivamente para até 520 mil toneladas de produtos.

Além da importação, boa parte destes bens serão produzidos e transformados no país, prevendo-se um impacto na redução dos preços em até 5% para o consumidor final.

Artigo anteriorANGOLA: sua adesão à Iniciativa para a Transparência das Indústrias Extrativas (EITI)
Próximo artigoQuatro empresas aptas para entrar em Bolsa